Personalização do ensino: a chave para 2021 em diante

“Personalização do ensino”  é um termo que designa o processo inovador por meio do qual as pessoas em escolarização — em qualquer momento da vida — aprendem de forma e em tempos diferentes. Para isso é fundamental que as instituições estejam preparadas para oferecer uma estrutura diferente da tradicional e que possa ser praticada.

Neste artigo você vai entender o que é a personalização do ensino, os principais benefícios e desafios de implementação no Brasil, além de receber dicas sobre como começar a colocar em prática. Acompanhe!

O que é personalização do ensino

O processo de aprendizagem possui diferentes formas de acontecer. A educação tradicional no Brasil tende a colocar todos os estudantes no mesmo “pacote”, montando as salas de aula e os planos de ensino sempre padronizados sem abrir espaço para o que é diferente. Mas cada pessoa é única e seu modo de aprender também. 

Como a educação no país não é personalizada, é comum nos depararmos com  aulas que ocorrem no formato tradicional:  o professor à frente e os alunos sentados em posição de submissão; carga horária padronizada para que todos entrem e saiam   no mesmo horário e atividades e provas aplicadas do mesmo modo.

Tudo isso deixa de lado o fator da individualidade de cada pessoa e do tempo diferente e individualizado que as pessoas demandam em seus processos. A ideia da personalização do ensino contrapõe-se  à metodologia convencional  e traz a possibilidade do aluno  receber um plano de aprendizagem baseado no seu momento de vida, alinhado com suas competências e interesses, e respeitando seus desafios e aptidões.

Trata-se de  uma nova mentalidade educacional que tem como objetivo empoderar os estudantes como protagonistas de sua jornada de aprendizagem. O aluno deve estar  no centro de seu próprio processo e deve estar revestido de  autonomia para investir mais tempo no que  acredita ser importante dentro do seu projeto de vida.

Neste sentido, o fio condutor da personalização do ensino é a flexibilidade, pois a instituição de ensino precisará articular e executar com o aluno o seu  plano personalizado.

Quais os principais benefícios e desafios?

Dentre os principais benefícios da personalização do ensino estão: o maior engajamento e motivação dos estudantes para com o processo educacional e a autonomia e maturidade adquiridos no processo de aprendizagem. 

Ao perceber que os professores e a própria escola estão genuinamente preocupados com o seu desenvolvimento individual, os alunos tendem a se sentir mais valorizados e passam a se identificar com os conteúdos apresentados. Por consequência, tornam-se mais ativos e participativos nas ações práticas da instituição de ensino. 

O processo personalizado de educação tende a otimizar a aprendizagem, uma vez que direciona seu foco para os pontos de maior interesse e necessidade dos alunos. 

Este ensino personalizado exige a coleta de dados relacionados aos interesses dos alunos, possibilitando a identificação e análise das  informações para estruturar planos personalizados que atendam à individualidade de cada um. 

Outro benefício deste processo é a maior facilidade de adaptação do aluno a diferentes projetos pedagógicos Desde que a personalização seja um ponto comum, independente da instituição ou da metodologia adotada,  o estudante terá o seu plano de aprendizado personalizado para seguir.

Em relação aos desafios, temos que  a personalização do ensino esbarra principalmente na falta de informação sobre as formas possíveis de implementação e na mentalidade pouco inovadora da gestão escolar tradicional

A seguir abordamos temas disruptivos das barreiras hoje enfrentadas: Como colocar a personalização do ensino em prática.

O principal canal para implementar conceitos da personalização do ensino nas escolas é a inserção de tecnologia. Não se trata de aderir à tecnologia altamente avançada como inteligência artificial ou robôs. Mas sim a  implementação de ferramentas educacionais no dia a dia da escola que  traz grandes ganhos para a comunidade educacional.

Ferramentas educacionais como o Google for Education, que disponibilizam toda estrutura para alunos e professores criarem suas rotinas, documentos e atividades,são um caminho de alta performance para as escolas. A plataforma Edutt disponibiliza diferentes trilhas de aprendizagem que contemplam conteúdos que podem ser personalizadas conforme o interesse da escola e do aluno.

O principal objetivo é promover e inserir cada vez mais na rotina dos estudantes o uso de ferramentas digitais

Esse debate traz à tona um modelo de educação que cresceu muito durante a pandemia ocasionada pelo Covid-19 e que tende a se manter em diversas instituições que é o ensino híbrido. Por meio dessa modalidade, que promove uma mescla entre atividades presenciais e online, a personalização do ensino ganha mais espaço para ser aplicada.

Continue acompanhando o blog da Edutt e fique por dentro de mais novidades da tecnologia na educação para tornar seus projetos pedagógicos cada vez mais inovadores!

Recent Posts

Leave a Comment